SociedadeDestaque

Oito candidatos a coveiro

- Publicidade -

Ao concurso para um lugar de coveiro na câmara de Tomar apresentaram-se oito candidatos, todos homens.

O concurso foi lançado em março e entretanto está a decorrer o processo de seleção.

No primeiro método de seleção foi excluído um candidato por não ter comparecido à prova de conhecimentos.

Dos sete candidatos que restavam, dois faltaram ao segundo método de seleção (avaliação psicológica), ficando cinco candidatos.

O sistema deste concurso é o de reserva de recrutamento, ou seja, os concorrentes mais bem posicionados serão chamados por ordem de classificação, conforme as necessidades da autarquia.

- Publicidade -

Segundo o anúncio, os selecionados têm como funções: “abrir sepulturas e efetuar o transporte, depósito e levantamento de restos mortais num cemitério: Escavar no solo uma vala com as dimensões adequadas à urna, utilizando picaretas, pás ou máquina apropriada; Conduzir o carro de transporte do corpo até à sepultura; Introduzir cal no caixão, fechá-lo e fazer descer através de cordas, cobrindo-o com terra ou colocando-o num jazigo; Abrir a sepultura aquando da exumação e assegurar-se de que o cadáver está decomposto; Retirar os restos mortais, lavá-los e colocá-los numa urna e depositar em local indicado; Proceder à limpeza e conservação do cemitério”.

A remuneração mensal é de 821,83 euros.

coveiro 67890

Câmara de Tomar admite coveiro

- Publicidade -

1 comentário

  1. Na Praça da República há coveiros encartados. Estão alapados no edifício branco situado nas costas do Gualdim Paes, bem pagos, sem horário fixo, sem vergonha, enfim, um sem número de mordomias…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo