in ,

Mata dos Sete Montes reabre dentro de dias, mas com restrições

Mata dos Sete Montes

Foi adiada para dia 16 a reabertura da Mata dos Sete Montes, quase dois meses depois de ter encerrado (18 de março) por motivos de saúde pública devido ao Coronavírus. A data inicialmente apontada era 11 de maio, mas feita a articulação entre o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a câmara de Tomar foi anunciada a data de 16 de maio.

Confirmadas estão já as restrições para utilização deste espaço verde, tendo em conta a atual situação de pandemia. Conforme indica o ICNF, as indicações para utilização da Mata passam a ser as seguintes:

– A abertura da Mata Nacional dos Sete Montes (MNSM) está sujeita a condições especiais de permanência e utilização, devido à Pandemia do vírus COVID-19, e no âmbito do Decreto-Lei 20/2020, de 1 de maio;

– Horário provisório 9h00 – 18h30 (última entrada às 18h00);

– Entrada limitada a grupos inferiores a 10 pessoas;

– Os utentes e visitantes devem respeitar as normas de afastamento social e demais indicações da DGS;

– Apenas é permitido o acesso pedonal, circulando nos caminhos existentes da MNSM, e nos quais não é permitido parar;

– A MNSM está interdita à realização de atividades organizadas, independentemente da lotação inferior a 10;

– É Interdita a utilização dos equipamentos e mobiliário de apoio, nomeadamente: bancos, mesas, instalações sanitárias e equipamento do parque infantil;

– É proibida a entrada e permanência de animais sem trela, devendo circular apenas junto ao seu dono (até 1 metro de distância). É obrigatório que os seus donos apanhem os seus dejetos e coloquem em recipientes para o efeito, ou de lixo indiferenciado.

 

 

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. A primeira restrição devia ser ao sr que todos os dias leva o seu cão a fazer as necessidades á mata ou á estrada do castelo.. uma vergonha!

    • Se o senhor sabe quem é exactamente, só tem que o denunciar às autoridades. Presta assim um bom serviço, quer ao meio ambiente, quer às pessoas que frequentam aquele espaço. Afinal de contas o que está em causa é a, saúde pública.

  2. No artigo ha referência a “Lotação inferior a 10 pessoas” e “não poder parar nos percursos”.
    Quererá isso dizer que em 390 000 m2 de terreno apenas serão permitidas 10 pessoas de cada vez e que serão obrigadas a correr??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

ACORDAI!!! 

Festival Bons Sons só em 2021