in ,

Homem suicida-se no serviço de psiquiatria do hospital de Tomar

Um homem de 38 anos suicidou-se no serviço de internamento de psiquiatria, no piso 6, do hospital de Tomar. O caso aconteceu cerca das 21 horas desta quinta feira, dia 3, e está a ser investigado pela polícia.

O indivíduo tinha problemas de toxicodependência e alcoolismo. Em junho foi detido pela GNR de Tomar na sua habitação, no Marmeleiro, freguesia de Madalena/Beselga, por agredir a sua própria mãe, de 68 anos, que era injuriada e agredida constantemente. Na altura foi-lhe imposta a pulseira eletrónica e ficou proibido de se aproximar na mãe.

A polícia está a investigar como foi possível o homem cometer suicídio no serviço de psiquiatria, às 9 da noite, sem que alguém presenciasse.

O funeral ainda não está marcado uma vez que estão a ser desenvolvidas as investigações e tem de ser feita a autópsia.

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Não podem ir todos jantar á mesma hora façam turnos é pra isso que o estado lhes paga entre enfermeiros e auxiliares alguém falhou ..

  2. Era impossível esse homem se ter suicidado,pois estava adormecido. Simplesmente caiu para o chão e não foi assistido de imediato, mas sim uma hora depois…tarde demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Millennium da av. Cândido Madureira fechou

Trabalhador morre esmagado ao cortar eucalipto