DestaqueSociedade

Prossegue julgamento de antigo pastor adventista acusado de abuso sexual de menor

Nesta quinta feira, dia 9, realiza-se mais uma audiência do julgamento de um antigo pastor da Igreja Adventista do Sétimo Dia de Tomar que está acusado de abuso sexual sobre uma menor.

O julgamento começou no dia 2, decorre à porta fechada no Tribunal de Santarém, e prossegue nesta quinta à tarde com os depoimentos de algumas testemunhas.

Uma das testemunhas abonatórias do antigo pastor é José Glória, vendedor de publicidade em Tomar, que acredita na inocência do arguido, o qual terá sido vítima de uma falsa acusação com base em perfis falsos no facebook.

drive banner horarios

O homem de 57 anos é acusado do crime de abuso sexual de uma menina, atos que teriam sido praticados desde 2009, quando a criança tinha sete anos, até 2015, ano em que o pastor foi despedido da congregação.

IMG 20190503 173842
Recorte do jornal Correio da Manhã (03-05-2019)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo