DestaqueNecrologia

Advogado de Castelo Branco morre de acidente de mota em Lisboa

“Era absolutamente adorável – além de bonito, inteligentíssimo, divertido, já brilhante advogado, e acima de tudo, generoso e genuinamente bondoso”, escreveu a escritora tomarense Inês Pedrosa sobre o advogado Manuel Abrunhosa, de 35 anos, que morreu no dia 6, num acidente de mota no centro de Lisboa.

O motociclista foi abalroado por uma carrinha, entre a rua Braamcamp e a avenida Alexandre Herculano, em Lisboa, num cruzamento em que um dos intervenientes não terá parado no sinal vermelho dos semáforos.

Manuel Abrunhosa ainda foi transportado para o hospital de Santa Maria, mas acabou por não resistir aos ferimentos.

tomardrive banner out. rodape 2020 41 7293055622693185155 n Copia

Segundo o jornal A Reconquista, o jovem advogado já tinha créditos firmados na profissão. Cursou Direito na Universidade Nova de Lisboa e efetuou mestrado em Direito Fiscal em Inglaterra na London School of Economics and Political Science. Em Portugal, trabalhou nas sociedades de advogados Garrigues e na Rogério Fernandes Ferreira, estando atualmente como advogado fiscalista na Pegas Advogados.

A 27 de abril, outro acidente de mota em Lisboa vitimou a jornalista do Correio da Manhã e da CMTV Marta Louro, de 27 anos.

Vídeo do acidente aquiabrun 2

Acidente: Faleceu o jovem advogado Manuel Abrunhosa

 

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo