SociedadeDestaque

Santa do 14: a versão do padre exorcista

- Publicidade -

Na sequência da reportagem da CMTV e do jornal Correio da Manhã sobre o culto na capela de Bugarrel, freguesia da Serra de Tomar, e a atuação do sacerdote César de Jesus, que se apresenta como padre da Igreja Católica Ortodoxa Hispânica, o próprio decidiu contar a sua versão da história.

Numa publicação no Facebook, diz que houve difamação e deturpação dos factos “de forma maldosa, mal interpretados e pior ainda descritos”.

Em Alpedrinha, no Fundão, onde o padre exorcista também atua, é acusado de burla por algumas ex-fiéis. Em Tomar, percebendo que a igreja católica não reconhece as aparições em Bugarrel e que o culto no local estava em declínio, começou ele próprio a organizar rezas do terço, procissões e supostas eucaristias, rituais que já atraem dezenas de pessoas.

No local das supostas aparições, há recitação do terço todos os sábados às 15h00 e nos dias 14 de cada mês, às 18h00 anuncia-se a eucaristia e a procissão de velas se o tempo permitir. A data tem a ver com o facto de ter sido nos dias 14 em 1947 que alegadamente aconteceram as aparições a Maria Olinda do Céu, a vidente.

- Publicidade -


Diocese desmascara padre exorcista que atua em Tomar

Padre exorcista suspeito de burlar fiéis celebra em Tomar

 

- Publicidade -

2 comentários

    1. É a televisão do Correio da Manhã. Também há o jornal com o mesmo nome. É um canal tevevisivo que não passa em sinal aberto. Para ter acesso tem de assinar um operador privado de televisão. É um canal noticioso que funciona 24 horas por dia.
      Espero ter contribuído para o seu esclarecimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo