in ,

Mulher grávida que foi baleada está fora de perigo

Apesar de ter ainda a bala alojada no peito, a mulher grávida que foi baleada no dia 5 na Charneca da Peralva, Tomar, assim como o bebé, estão fora de perigo.

Grávida de seis meses, Sónia perdeu muito sangue e sofreu um derrame interno depois de ser atingida com um tiro de pistola. Foi inicialmente transportada para o hospital de Abrantes e daqui transferida para o hospital Santa Maria, em Lisboa, onde ainda se encontra internada.

Entretanto, a Polícia Judiciária continua a investigar o crime, sendo escassas e contraditórias as informações. O que se sabe é que a pistola ainda não foi encontrada e que o primeiro suspeito, um homem com cerca de 70 anos, foi identificado e libertado, estando em sua casa na Charneca da Peralva a aguardar o desenrolar das investigações.

A mulher baleada veio do Algarve, tem um filho de 14 anos e vive em união de facto com um pastor da Charneca da Peralva.

O caso está a suscitar a atenção da comunicação social nacional. Ontem a CMTV esteve em direto da aldeia e hoje o caso deverá ser analisado no programa da manhã da SIC.

Recorte do Correio da Manhã (07/10/2020)

Escrita por Redação

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Junta urbana admite dois assistentes operacionais

Vigário de Tomar comemora 47 anos