in ,

Monumento aos combatentes já foi desmontado

O monumento aos combatentes da Grande Guerra foi removido esta semana do seu pedestal na Várzea Grande para os pavilhões da FAI, em Tomar. Ao mesmo tempo, o pedestal foi desmontado para ser colocado na nova rotunda em frente à estação de Tomar, para onde a estátua vai ser transferida. Foi necessário recorrer a uma grua para retirar a estátua que pesa centenas de quilos.

Os trabalhos fazem parte da requalificação da Várzea Grande, uma empreitada que vai custar mais de 3 milhões de euros.

Inaugurado a 11 de novembro de 1931, o monumento de homenagem aos mortos da Grande Guerra foi projetado pelo escultor Henrique Moreira.

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Espero e que a estrutura criada na nova rotunda tenha capacidade para suportar tamanho e peso da estrutura onde a estátua estava e que vai ser reposta na rotunda + a estátua.

  2. Consta que o novo pedestal vai incluir os nomes dos 40 tomarenses mortos na guerra do ultramar. Não merecem um monumento ou memorial próprio apesar da disponibilidade da Câmara. Estas vítimas do anterior regime continuam a valer muito pouco. Tristeza.

  3. Conforme pude esclarecer, não existem nem existiram quaisquer ossadas na fundação deste Monumento. Por favor consultar Comunicado – Rectificação sobre este assunto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Polémica no Politécnico por causa da palavra “colegas”

Cemitérios abertos no dia de finados mas com restrições