DestaqueSociedade

Era de Torres Novas educadora de infância que morreu numa ravina em Peniche

A mulher de 49 anos que morreu na sequência da queda do seu carro numa ravina em Peniche, era natural da Meia Via, concelho de Torres Novas, cuja população local ficou em choque com a notícia.

Sandra Rodrigues da Cruz era educadora de infância e estava colocada no Agrupamento de Escolas da Atouguia da Baleia, no concelho de Peniche.

No dia 29 de setembro ao final da manhã o carro que conduzia caiu de uma ravina de cerca de 35 metros de altura na marginal norte, na zona rochosa a caminho do Cabo Carvoeiro, num cenário apontado como suicídio.

Numa operação complicada, os bombeiros retiraram o cadáver e depois a viatura, do fundo para o topo da ravina.

A cerimónia religiosa realiza-se na igreja da Meia Via, às 10 horas desta terça feira, dia 5, seguindo depois para o crematório do Entroncamento.

À família apresentamos sentidas condolências.

 

Reportagem vídeo

243284577 1260187734404663 4341245654723020913 n sandra cruz

3 Comentários

  1. Boa noite. Sugiro que ponderem a necessidade de referir “num cenário apontado como suicídio”. Se se informarem junto da Sociedade Portuguesa de Suicidologia poderão ser devidamente esclarecidos. Penso que existem mesmo guidelines acerca deste tipo de notícias. De qualquer forma, por respeito à família, e adianto, pelo possível “efeito de contágio”, julgo ser preferível não divulgar esse dado, pelo menos, descontextualizado, ou melhor, só por si. Fica a opinião.

  2. Lamentável!… Chocados!… Sem palavras!…
    Excelente profissional, colega e mãe de família.
    Sandra, descansa em Paz. Sentidos pêsames à família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.