in ,

Abrantes: mulher que matou marido começa a ser julgada

Tem início nesta sexta feira, dia 10, às 10 horas, no tribunal de Santarém, o julgamento de Margarida Rolo, professora de 43 anos, acusada de matar o marido em agosto do ano passado na localidade de Chainça, Abrantes.

Segundo o relato publicado hoje no jornal Correio da Manhã, foi com “frieza, calculismo e tremenda violência” que a mulher, professora, matou o marido, José Fernando Duarte, de 51 anos, também professor.

Citando o despacho de acusação, o jornal refere 79 facadas e sete golpes de martelo que a mulher terá desferido no marido e que lhe provocaram a morte.

Depois do crime, a mulher simulou que tinham sido vítimas de um assalto, história facilmente desmontada pela Polícia Judiciária.

 

Professora drogou e matou o marido com 79 facadas e sete golpes de martelo

Escrita por Redação

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Paulo Rangel (PSD) em campanha no distrito

Capas dos jornais locais