in ,

Autárquicas: mulheres encabeçam só 20 por cento das listas em Tomar

assembleia maria da luz BE AM IMG 6576

Das 56 listas para as eleições autárquicas entregues pelos partidos no tribunal de Tomar, e referentes às candidaturas à câmara, assembleia e freguesias, apenas 20 por cento são encabeçadas por mulheres.

Se para a câmara de Tomar temos duas mulheres a disputar a presidência – Anabela Freitas (PS) e Lurdes Ferromau (PSD) – já para a assembleia municipal são apenas homens que encabeçam as listas. Das sete forças políticas que concorrem à câmara, apenas aqueles dois partidos apresentam mulheres em primeiro lugar.

Nas freguesias, a presença de mulheres também é pouco representativa sendo que a lei da paridade obriga a que um dos sexos tenha uma representação mínima de 40% nas listas, condição extensiva a todos os órgãos autárquicos.

É na freguesia de Madalena / Beselga que há mais mulheres a encabeçar as listas, entre as cinco que estão na corrida há três: Luísa Maria Henriques (PS), Helena Maria Calado (BE) e Sandra Raposo (CDS-PP, MPT, PPM).

Ali ao lado, em Paialvo, das quatro listas, há duas mulheres a ocupar o primeiro lugar: Ana Marília Elias (PSD) e Rita Isabel Silva (CDU).

Depois, há quatro freguesias com apenas uma lista encabeçada por uma mulher: Carregueiros – Susana Maria Henriques (PSD), S. Pedro – Rosa Maria Silva (BE), Sabacheira – Susana Alves (PSD) e S. João / Santa Maria – Anabela Mota (CDU).

Estes dados veem confirmar que a política continua ainda a ser dominada pelos homens, estando a presença das mulheres praticamente limitada ao legalmente exigido.

Escrita por Redação

Blog informativo Tomar na Rede. Notícias sobre Tomar e região envolvente. Informação local e regional.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0
mouchão música concerto IMG 20200703 220858

Agenda para o fim de semana

despiste 5932 7325644922801288866 n

Idosa despista-se contra poste