OpiniãoDestaque

A água entornada

Opinião

O caso da empresa Tejo Ambiente denuncia incompetência acumulada e desleixo encoberto, e tem resultado em prejuízos para a População.

Houve atabalhoamento na constituição da empresa, houve comportamentos negligentes no arranque da atividade. A empresa adoeceu. Não houve cuidado de verificar, não houve atenção de controlar.

Houve apenas incompetência política e descuido técnico. E houve complacência na condução da empresa, que a conduziram a estado de pré-ruína.

tomardrive banner out. rodape 2020 41 7293055622693185155 n Copia

Houve ausência de sentido de responsabilidade dos seus Responsáveis, que carregam agora o preço ao Consumidor para pagamento dos erros que foram cometidos. É onde estamos.

Ninguém assume essa responsabilidade, ninguém pede desculpa, ninguém nada.

Continua o abuso de poder, continua a demagogia desaforada, continua a desvergonha sem pudor.

Nos primeiros anos, não pagou o consumidor, pagou o contribuinte.

Agora, não paga o contribuinte (por enquanto), vai pagar o consumidor (já).

A empresa tem que viver, porque os efeitos da sua extinção poderiam ser desastrosos para o Concelho, e para a Região.

Veremos se a partir de agora a competência se afirma, e o rigor existe.

                                                    António Lourenço dos Santos

                                                     Deputado municipal (PSD)

11 comentários

  1. Antonio Lourenço dos Santos

    O sr. e o partido que representa tornam-se ridículos.
    Com tantas criticas à tejo ambiente, com tantas criticas transmitidas presencialmente na assembleia municipal, e têm a desfaçatez de votar pela abstenção permitindo assim o escandaloso aumento da tarifa da agua!!
    No decorrer da Assembleia tentaram desculpar-se com a responsabilidade e que o PSD é um partido de poder. TRETAS
    Os Senhores apenas deixaram passar, porque acreditam que a tejo ambiente continuará a ter prejuízo e com isso tirar proveito eleitoral nas próximas eleições.
    O vosso sentido de responsabilidade e de defesa dos tomarenses é ZERO.
    Os senhores apenas estão a querer salvaguardar a vossa sobrevivência politica….
    TENHAM VERGONHA

  2. Esta exposição de nada serve , para desculpar o voto do PSD de abstenção e desse modo permitir a aprovação dessa moção.
    O custo da manutenção da Teja Ambiente é muito superior ao da sua extinção para o concelho de Tomar, e nem vale a pena tentarem desculparem-se com isso.
    Senão vejamos , como até disse na Assembleia Municipal a Tejo Ambiente perde 2 M€ em água que compra à EPAL e que não consegue faturar por roturas só no concelho de Tomar.
    E porque é que a direção da Tejo Ambiente investe em saneamento ???? Porque só se investe se a Europa DER dinheiro!!
    Isto é aceitável nalguma empresa??
    Por fim , a Tejo Ambiente nem respeita o voto da Assembleia para uma auditoria, não presta contas e por fim elabora com o mesmo gabinete um EVEF vergonhoso, pois já sabemos que este ano vai dar prejuízo de novo e mesmo com o aumento, será superior aos 500 000€. Só assim não será se faturar às Camaras que agora tiveram um aumento da tarifa de mais de 200% , repito de mais de 200% o valor necessário para assim não ser.
    Resumindo, continua com cada vez pior serviço em quantidade , em QUALIDADE e agora em PREÇO !!!

    Já agora quem autorizou que a Tejo Ambiente recorra ao FISCO para cobrar dívidas de um bem FUNDAMENTAL

    Tenham vergonha!!!

  3. É a baixa política, a política autárquica no seu “melhor”, nas mãos das quadrilhas surgidas dos tugúrios partidários, gente que nem a própria casa sabe gerir, muito menos uma empresa com a dimensão e responsabilidade como esta tem.
    É bom que se perceba que este aumento é o primeiro dos que se seguirão no futuro, eventualmente travestidos de taxas, taxinhas e outros malabarismos financeiros, tudo com vista à manutenção do status, isto é, da empresa Tejo Ambiente para assim poderem continuar a comer da gamela pública depois de abandonarem os cargos políticos que ora mantêm.

    1. Não levante muita poeira quando não ainda se lembram de inventar uma taxa relativa ao trânsito da água nos ramais que vão do ponto da rede pública até ao contador nas habitações. A falta de decora dá para tudo…

  4. A água é um bem precioso. No caso da água potável ainda mais. Para captar, tratar. Distribuir (casa a casa), fazer a manutenção e gerir todo o sistema tem custos elevados. Talvez o problema não seja o aumento do preço mas sim os baixos rendimentos. Mas isso é um problema do modelo de desenvolvimento.

  5. Ó distrital do PSD demitam de imediato toda a bancada do PSD na oposição camarária e chamem os suplentes que pior trabalho é difícil fazerem !
    Preparem o partido local PSD , para as próximas autárquicas e que avance o Eng . António Paiva e uma equipa por este escolhida pois as escolhas que vêm de Santarém é só desastres , o Eng. António Paiva será a única reserva válida e providencial para Tomar !

    1. Deus nos acuda. Mais lombas e parques temáticos fantasma, menos indústria, novas fantasias económico-turisticas? Mais eu é que sei? Vade retro.

  6. E o António Lourenço dos Santos, tal como outros como o Tiago Carrão, opina mas não responde ás críticas. Muito ruins esta malta PSD!!!!

    1. Pessoas de “nariz empinado” ao que tudo indica
      Um deputado municipal que escreve um artigo que é público, e nem se presta a responder às muitas criticas que as pessoas tecem ao PSD e aos seus eleitos é de facto vergonhoso.
      DEMITAM-SE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo