DestaqueEconomia

Vídeo mostra o que resta da antiga fábrica de papel de Porto de Cavaleiros

- Publicidade -

Pedro Costa publicou no Youtube um vídeo, com imagens captadas por um drone, que nos mostra as ruínas da antiga fábrica de papel de Porto de Cavaleiros, na freguesia da Pedreira, Tomar. Uma unidade industrial que foi inaugurada em 1882 e faliu no ano 2000.

É atualmente propriedade da Caixa Geral de Depósitos.

- Publicidade -

3 comentários

  1. Porto Cavaleiros, Prado, Matrena, Marianaia, Fiação, Platex, Fábricas Mendes Godinho, Fábrica da resina, foi tudo à falência. Quem foram os culpados? Os patrões/gestores? Os operários/empregados? Os poderes públicos? Rezam as crónicas que terá havido um pouco de tudo, recheado por essa peste chamada “mentalidade tomarense”.
    Agora que o mal está feito, uns quantos pensadores serôdios resolveram achar que o mal é a pretensa opção camarária pelo turismo. Como se houvesse tal coisa. Uma câmara sem plano de turismo, sem parque de campismo, com um parque de caravanismo guardado só de dia e com os sanitários fechados, sem sinalização turística, (entretanto já paga a amigos mas ainda não entregue e muito menos colocada), que não consegue assegurar estacionamento suficiente para os visitantes do convento nos dias de maior afluência; uma câmara assim tem mesmo uma política de turismo? Não será só conversa fiada, para entreter?

  2. Depois de ler o que li, ainda fiquei mais triste.
    Vivi uns anos em Tomar e saí de lá há muito tempo (+ ou – 52 anos) e agora ao ver tanto estabelecimento fechado; tanta fábrica fechada; tanto abandono, até dói.
    Lamento dizer, mas Tomar tem muita coisa “feia”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo