DestaqueSociedade

Mulher dada como desaparecida diz que saiu de casa por motivos pessoais

Fomos contactados telefonicamente por Elisabete Mendes, a mulher de 44 anos dada como desaparecida na Serra de Tomar, que nos informou estar bem e que saiu de casa na manhã do dia 16, “por motivos pessoais”.

“Eu estou bem. Está tudo bem comigo. Eu saí de casa de livre vontade, não estou desaparecida, só não posso dizer onde estou”, garante.

Elisabete disse não ter condições para criar os filhos, de 21 anos (de uma anterior relação) e 18 meses (do atual companheiro) por estar desempregada.

Ressalva que antes de sair de casa avisou a GNR e o filho mais velho. “Já não aguentava mais”, adianta, temendo represálias do atual companheiro que diz ser “um bocado violento”, acusação que o mesmo nega e apresenta testemunhas se for preciso.

Apelo: mulher desaparecida

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.