DestaqueEconomia

Misericórdia de Tomar regista lucro superior a 60 mil euros

- Publicidade -

Segundo o relatório de gestão de 2022 da Santa Casa da Misericórdia de Tomar, esta instituição de solidariedade social apresentou em 2022 um saldo positivo de 60.889 euros.

O Provedor António Alexandre fala no início de um novo ciclo e da necessidade de realizar novos projetos e obras, seguindo a estratégia de recuperação iniciada em 2017, ano em que se registou um saldo negativo de 512 mil euros.

Um desses projetos é o de construção de um novo lar na Quinta das Avessadas, mas que está a registar obstáculos na câmara de Tomar que não agiliza o processo para que se possa avançar com o investimento. O provedor pede uma rápida clarificação e apoio do município uma vez que estão em causa fundos comunitários como os do PRR. Este projeto iria dar resposta à necessidade de mais camas de cuidados continuados e de lar no concelho de Tomar.

A Misericórdia, com os seus 135 trabalhadores, mantém as atividades da farmácia, unidade de cuidados continuados, unidade de internamento privado do edifício do hospital, Lar Nossa Senhora da Graça, apoio domiciliário, centro de dia e residências assistidas.

No introito do documento das contas, António Alexandre refere o apoio dado aos refugiados ucranianos, as atividades na praça de touros como corridas de toiros, espetáculo com a banda Gualdim Pais e Herman José, a peça de teatro Viriato, os concertos realizados na igreja da Misericórdia e a casa mortuária.

- Publicidade -

Em 2022 a Misericórdia recebeu duas heranças de utentes do lar que faleceram e deixaram os teus bens à Santa Casa o que ajudou no pagamento a fornecedores, segundo se lê no documento que pode ser consultado aqui.

 

 

- Publicidade -

2 comentários

  1. A misericórdia é uma importante instituição tomarense: dá emprego ainda que não ou pouco qualificado, tal como a autarquia, e yrata dos idosos, a franja de população cada mais importante. Parece que estamos no Alentejo profundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo