DestaqueSociedade

Homem que disparou contra grávida fica preso

O homem de 69 anos que disparou contra uma mulher grávida de 39 anos no dia 5 na Charneca da Peralva, Tomar, fica preso a aguardar julgamento. A decisão da prisão preventiva foi tomada na tarde desta quinta feira, dia 8, no tribunal de Santarém.

O emigrante reformado está indiciado pela prática de um crime de homicídio agravado na forma tentada e de um crime de detenção de arma proibida.

É que além da pistola com que disparou, o arguido tinha em casa uma segunda arma de fogo de calibre proibido e dois objetos, um dos quais em formato similar a bastão, com potencialidades para agressão, objetos que lhe foram apreendidos.

Segundo o Correio da Manhã, o homem tinha a pistola escondida enterrada no quintal da sua casa.

O Ministério Público requereu a aplicação da medida de coação prisão preventiva, a única considerada adequada à gravidade dos factos e perigosidade do arguido, medida essa que foi decretada judicialmente.

O caso aconteceu no dia 5 na sequência de desentendimentos entre vizinhos por causa de um filho da vítima.

A mulher está fora de perigo e continua a recuperar no hospital de Santa Maria em Lisboa.

 

Comunicado do Ministério Público

 

Notícia do Correio da Manhã (c/ vídeo)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
Fechar

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.