DestaqueSociedade

Homem preso por violência doméstica na Serra de Tomar

Um homem de 56 anos, morador na Serra de Tomar, ficou preso preventivamente a aguardar julgamento depois de ser detido pela GNR pelos crimes de detenção de arma proibida e violência doméstica.

Segundo os investigadores, durante anos o homem provocou o terror naquela família, ao ponto de a mulher e os dois filhos saírem de casa.

O Ministério Público decretou a prisão preventiva uma vez que o homem não tinha outro sítio onde ficar, possibilitando assim que mulher e filhos pudessem regressar a casa.

 

Comunicado do Ministério Público

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.