DestaqueSociedade

Festas populares regressam em força

Depois de dois anos suspensas devido à pandemia de Covid-19, as tradicionais festas nas aldeias estão de volta e com uma adesão surpreendente.

São enchentes de perder de vista em qualquer festa popular que se realize. Aconteceu em Valdonas, na Linhaceira e nas Cabeças, por exemplo. Milhares de pessoas mostram que estavam ansiosas para sair de casa e divertir-se.

São eventos que têm uma função social, recreativa e cultural, além de representarem “balões de oxigénio” em termos financeiros para as coletividades organizadoras.

tomardrive banner out. rodape 2020 41 7293055622693185155 n Copia

Há toda uma economia que gira à volta das festas populares que este ano volta ao seu ritmo normal. São os fornecedores de cerveja, frangos, carne, vinho ou pão, são as bandas de música que regressam aos palcos, são as filarmónicas que retomam as suas atuações, etc.

O ambiente de festa está a ser vivido este ano com mais intensidade devido à paragem de dois anos. Agora, de Covid-19 já não se fala e é raro ver alguém de máscara. Siga a festa!

Na festa da Linhaceira

3 comentários

    1. Estás cheio de razão ganda Manel! Concelho de Tomar em grande dificuldade para conseguir reduzir a crescente emigração dos seus habitantes.
      Se isso te dá gosto, nada contra. Cada um tem os gostos que quer.
      Uma pergunta inocente, além daquilo que recebes da autarquia, o que te leva a supor que és “verdadeiro tomarense”? Que é isso afinal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo