in ,

Restauro do castelo de Ourém alvo de críticas

ourem E75cER0X0AcC4Tm

A utilização de betão nas obras de recuperação do castelo de Ourém está a ser alvo de críticas nas redes sociais. A polémica foi suscitada através da publicação de uma fotografia antes da intervenção em que se vê uma escadaria em pedra e depois, com escadas em betão.

“Fico cego com estas coisas”, criticou Vasco da Gamba no Twitter, que acrescentou: “só faltou meterem painéis solares no telhado”. “Isto não é restaurar, é estragar!…”, aponta outro cidadão. A estas críticas junta-se o facto de não haver acessos para pessoas com mobilidade reduzida.

O projeto teve parecer favorável da Direção Geral do Património Cultural.

Após dois anos, as obras de requalificação do complexo Castelo de Ourém e Paço dos Condes foram concluídas em julho, um investimento na ordem dos 2,1 milhões de euros, financiado por fundos comunitários em 1.671.380,58 euros.

O castelo é propriedade da Fundação da Casa de Bragança, com quem a câmara de Ourém assinou um protocolo de cooperação para as obras.



 

 

Escrita por Redação

Blog informativo Tomar na Rede. Notícias sobre Tomar e região envolvente. Informação local e regional.

Comentários

Responder
  1. Aguentem-se, companheiros ourienses. Aqui, em Tomar, também temos de conviver com a inépcia dos autarcas. As requalificações da Várzea Grande é da avenida Álvares Pereira têm erros dignos de figurar no Guiness Book of Records…

  2. Muita sorte têm os ourienses, fosse eu o autarca e aquilo ia tudo abaixo… afinal que utilidade tem aquilo hoje em dia? Um centro multiusos era mesmo um mimo ali, podia ter um aspecto de nave espacial, para atrair os malucos por ovnis e gerar todo o tipo de especulações… enfim, trocava-se um castelo, que há por aí às carradas por um mono que dava que falar e que realmente faria as pessoas irem lá ver algo de tão diferente que é. Um centro multiusos onde tanto se faziam feiras intergalácticas, como passava a música pimba.
    Para ter aquele factor uau o edifício todo podia estar assente em bases que elevassem todo o edifício de forma a dar a ilusão de que o mesmo estava suspenso no ar, mas para ter mais piada isso só acontecia em certos dias do ano para ser um “evento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0
mouchão música concerto IMG 20200703 220858

Agenda para o fim de semana

Tomar IMG 20200726 082610

Ainda a praga de baratas