in ,

Polícia identificou e multou jovens que conduziram em Tomar a 180km/h

acelera

Uma brincadeira de dois jovens que fizeram um direto no Facebook a acelerar em Tomar a 180km/h, terminou com duas contraordenações da PSP.

Segundo um comunicado da polícia emitida nesta quarta feira, dia 10, houve um alerta por telefone “relatando o comportamento imprudente de 02 (dois) jovens que se deslocavam numa viatura a velocidades elevadas na cidade de Tomar, factos esses amplamente divulgados, nesse mesmo dia, em vídeo colocados nas redes sociais”. Nessa altura, a PSP encetou “diligências de investigação tendentes a fazer cessar este tipo de comportamento e à necessária recolha de prova e identificação dos suspeitos”.

O comunicado dá conta de que foi identificado o autor do vídeo e o condutor da viatura, bem como a viatura usada, tendo culminado em dois autos de contraordenação, um por infração ao Código da Estrada e outro por incumprimento do uso obrigatório de máscara.

A história começa nos primeiros dias de fevereiro quando surge um direto no facebook onde é possível ver um automóvel a atingir pelo menos os 180 km/h em plena cidade de Tomar.

No interior da viatura, um Audi A6, vão dois jovens a divertirem-se com a “brincadeira” filmada em direto nas ruas de Tomar e depois ao longo da estrada de Coimbra (EN110).

No início do vídeo, na rua de Coimbra, os dois amigos cruzam-se com um carro da polícia, mas prometem acelerar logo a seguir.

“Está ali a bófia. Nós já puxamos a seguir. Vou dar 200 ali à frente, já não me veem mais. Dá-lhe agora. Até voa”, diz um dos jovens com muito vernáculo pelo meio.

Na estrada de Coimbra, perto do Lidl, atingem os 140 km/h, mas mais à frente, na reta do Pingo Doce e das Calçadas, chegam aos 180 km/h.

A acelerar a 180 km/h em Tomar (c/ vídeo)

Redação

Escrita por Redação

Blog informativo Tomar na Rede. Notícias sobre Tomar e região envolvente. Informação local e regional.

Comentários

Responder
  1. Multaram mesmo?! Coitadinhos dos jovens! Está-se mesmo a ver que são vítimas inocentes de uma vergonhosa perseguição política. E até racista, se por acaso eles são ciganos.
    Bora lá organizar já um comité local de defesa dos perseguidos do Flecheiro e outros locais de elite.
    A PSP perdeu as estribeiras e está que não se pode aturar.

Deixe uma resposta

Avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0
apelo 10596 851939358739038390 n

Apelo: idoso com Alzheimer desapareceu em Abrantes

foto de josé borga flecheiro

Desenvolvimento urbano da Cidade?