in ,

Obras na estrada de Palhavã custaram mais de 680 mil euros

Feitas as contas, a empreitada de requalificação urbanística da rua Corredoura do Mestre (estrada de Palhavã) em Tomar custou 684.487,34 euros, segundo o documento do departamento de obras municipais apresentado na última reunião de câmara, no dia 8.

As obras tinham sido adjudicadas à empresa CONTEC – Construção e Engenharia S.A por cerca de 600 mil euros, mas dado que houve erros e omissões no projeto, trabalhos a mais e necessidade de revisão de preços, o valor final subiu para quase 700 mil euros.

Além de novo pavimento e passeios, foram executadas novas infraestruturas (iluminação pública,  saneamento básico e abastecimento de água) nesta zona periférica da cidade.

Fotos e vídeos do resultado final da obra:

Tomar ganhou uma nova rotunda

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Gastou-se mais uma pipa de massa e mesmo assim pelo menos uma das piores mazelas mantém-se. O troço demasiado estreito de sentido único ficou na mesma. Não quiseram expropriar. Deve ter rendido mais assim para quem fez e aprovou o projeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Hoje é feriado em Ferreira e na Barquinha

A gestão do Convento deve ser entregue a uma empresa municipal ou privada