in ,

Moradores preocupados com candeeiros junto às habitações

Na obra da Várzea Grande em Tomar estão a ser colocados candeeiros junto à parede dos prédios, solução pouco vulgar que se verifica na rua da Saboaria, na travessa do Arco, entre outras artérias. A situação está a preocupar os moradores uma vez que levanta problemas de segurança.

Para os “amigos do alheio” torna-se fácil aceder às janelas e varandas do 1º andar. Basta subirem pelos candeeiros e facilmente têm acesso às habitações, o que faz preocupar os moradores.

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Mais uma medida sem jeito nenhum. Juro que gostava de entrar no cérebro do cabeçudo que congeminou para encontrar a lógica disto…só em Tomar!

  2. Grande inginheiro. Aposto que o pai ou mãe trabalha na câmara. Viva a meritocracia do papai, mamãe, padrinho, amigo e vizinho.

  3. Como é pouco provável que o município vá mudar a posição dos ditos candeeiros só porque os moradores não gostam da vulnerabilidade de segurança que tal cria, é o momento dos moradores/ proprietários tomarem medidas como janelas e portas anti-intrusão e sistemas de alarme de detecção de intrusão apropriados. Atenção aos telhados, se for possível aceder a eles com facilidade também têm de tomar medidas para dificultar o acesso ao interior da casa por aí.
    Estores/ persianas de segurança ou portadas interiores de segurança também são uma possibilidade… mas têm de estar na posição fechada e trancados, logo são de utilidade limitada.

    Algo que ninguém fala é que esse tipo de candeeiros tende a atrair vândalos que gostam de destruir vidros de candeeiros que não costumam ser particularmente resistentes a pedras e tal… por isso deveriam ser evitados ou exigirem que tenham vidros anti-vandalismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Hospital de Santarém recruta enfermeiros

Irmã do padre Mário publica mensagem comovente