SociedadeDestaque

Intervenção policial na discoteca Rio Bar

- Publicidade -

Na noite de sábado para domingo, a polícia fez uma operação na discoteca Rio Bar, em Tomar, onde têm ocorrido algumas situações de desordem e violência.

Um forte dispositivo policial, com dezenas de agentes, ocupou a rua de S. Gião e entrou na discoteca para revistar todas as pessoas e fiscalizar o cumprimento da lei. Depois da operação, a discoteca continuou a funcionar normalmente.

O mesmo não aconteceu na discoteca Krystal, em Alcântara (Lisboa), que foi encerrada na noite anterior, na sequência de uma intervenção policial que envolveu a PSP e a ASAE, durante a qual foi apreendida droga e foram levantados vários autos de contraordenação.

Aguardam-se mais informações da PSP sobre a operação em Tomar, mas segundo esta força policial, “estas operações além da recolha de prova no âmbito do respetivo processo crime, visam também o cumprimento das normas sobre o funcionamento e atividade dos estabelecimentos de diversão noturna, mas sobretudo prevenir e combater os fenómenos de violência no contexto de diversão noturna e fomentar o sentimento de segurança junto daqueles que frequentam estes estabelecimentos para diversão”.

Em duas semanas consecutivas houve casos de violência que começaram no interior da discoteca Rio Bar e prosseguiram no exterior, com feridos que tiveram de receber tratamento hospitalar.

- Publicidade -

No dia 28 de janeiro, um militar da GNR à civil foi agredido na face e no pescoço com um copo partido, ficando gravemente ferido.

Na madrugada do dia 4, aconteceu outra situação, deste vez com um jovem de 29 anos a ser esfaqueado no pescoço.

Proponha uma correção, sugira uma pista: " target="_blank" rel="noopener">

Envie fotos e vídeos para " target="_blank" rel="noopener"> ou por aqui

- Publicidade -

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo