in ,

Homem que andava a pé na A1 morreu atropelado

É o desfecho trágico de uma história que se adivinhava ir acabar mal. O homem que costumava caminhar na autoestrada A1 (Lisboa – Porto) foi atropelado mortalmente por volta da meia noite de sexta para sábado.

Pedro Custódio, conhecido por “Pedro Calhau”, foi internado compulsivamente em março depois de ser detetado várias vezes a andar a pé na A1, mas recebeu alta poucos dias depois. Na última noite voltou à estrada acabando por ser colhido por um automóvel em Aveiras de Cima.

O homem tinha cerca de 40 anos e era conhecido mediaticamente também por se oferecer como testemunha nos casos Rei Ghob, Casa Pia e Rosa Grilo.

Homem circula a pé em plena A1 (c/ vídeos)

 

Escrita por Redação

Comentários

Responder

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Loading…

    0

    A gestão do Convento deve ser entregue a uma empresa municipal ou privada

    Quebra de alunos estrangeiros prejudica Politécnico