in ,

Homem pernoita na rua

Um sem-abrigo tem dormido as últimas noites na entrada de um prédio na rua de S. Sebastião, junto às antigas instalações da Caixa de Crédito Agrícola, perto do edifício do turismo, em Tomar.

Houve quem pensasse que se tratava de uma mulher pelo seu cabelo longo e com rastas, mas é um homem alto e magro que fala fluentemente. Diz que vem de Lisboa e pensa regressar em breve à capital. Supostamente veio para Tomar para se encontrar com alguém que “bazou”, segundo explica.

Seja como for, a situação já foi denunciada nas redes sociais há vários dias e, apesar de terem sido contactados, até agora nada foi feito pelos responsáveis.

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Mas esperava-se ou espera-se que os responsáveis fizessem ou façam o quê concretamente? Que lhe paguem um quarto num hotel ou pensão? Que o levem aos bombeiros, para um duche quente gratuito e uma cama lavada? É proibido dormir na rua? O cidadão pediu auxílio ou corre perigo?
    Que mania, essa do assistencialismo a todo o custo! Não vos chega o Bairro Calé, pronto há meses, mas que continua às moscas?
    Quem anda por esse mundo fora sabe bem que são aos milhares os que vivem e dormem da rua. Mesmo na capital dos USA, a primeira potência mundial. Ou em Paris, capital da cultura.
    Provincianismo em excesso, é o que é.

Responder a Fernando Lopes da Conceição Esteves Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Namorada de João Félix mora em Santarém

Idoso suicida-se em Vermoeiros (S. Pedro de Tomar)