in ,

Empresário tomarense vítima de violência doméstica

Carlos Santos, empresário de Tomar no ramo da construção civil, foi vítima de violência doméstica por parte da sua mulher, uma marroquina com quem constituiu família. É uma história com muitos episódios, avanços e recuos, mas que ainda não acabou.

O empresário foi sócio gerente da empresa Habinabão em Tomar, depois de regressar da Suíça onde esteve emigrado.

Com a crise na construção civil, Carlos Santos emigrou para Marrocos e ali reiniciou a sua atividade e conheceu a mulher, muçulmana.

Devido a problemas nos negócios, Carlos esteve preso dois anos mas foi libertado sem qualquer acusação. Atrás das grades passou mal, chegando a fazer greve de fome.

Casou com a mulher com quem teve dois filhos e a família veio para Portugal depois de uma experiência de trabalho em França.

Foi em Tomar que a situação de violência doméstica se agravou.

A mulher humilhava-o e chegou a atirar-lhe uma garrafa de vidro quando estava perto do filho de ano e meio. Por sorte não acertou em nenhum deles. Além de ser agressiva com o marido era-o também com os dois filhos.

Carlos Santos garante que nunca agrediu a mulher, mas esta apresentou queixa na polícia, que foi arquivada por falta de provas.

Antes disso, Carlos chegou a deslocar-se à esquadra da PSP para apresentar queixa por violência doméstica, acabando por desistir. Esteve dois meses sem ver os filhos que estão agora com a mãe numa casa de abrigo em Lisboa.

Atualmente desloca-se à capital todos os sábados para ver os filhos, traz os meninos a Tomar para visitarem os avós e depois ao fim da tarde tem de regressar a Lisboa para entregar as crianças.

Foi a chorar que Carlos contou a história da sua vida ao programa Manhã CM, da CMTV, apresentado por Maya e Nuno Eiró.

A entrevista pode ser vista aqui.

 

Se não conseguir visualizar por causa do Nónio, tente em modo de navegação anónimo

Escrita por Redação

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Novo lar de S. José inaugurado há 15 anos

Câmara em reunião extraordinária