DestaqueSociedade

Contas do CIRE já publicadas. Anterior direção diz-se tranquila

O Centro de Integração e Reabilitação de Tomar (CIRE) já publicou as contas relativas ao exercício de 2020, números que suscitaram dúvidas à atual direção presidida por Célia Bonet e que motivaram uma queixa no Ministério Público contra a anterior direção presidida por Luís Salgueiro.

Alguns processos de contratação pública e atos de gestão levantaram dúvidas aos atuais dirigentes e motivaram a queixa.

A anterior direção argumenta que em 2020 apresentou as melhores contas dos últimos 10 anos, os juros mais baixos de sempre, sem dívidas aos trabalhadores e Estado. Aos fornecedores os números de 2020 dão conta de que foi pago parte do mês de novembro, o que significa um atraso inferior a 30 dias. Quanto a financiamentos bancários, a anterior direção apresenta no final do ano uma conta corrente de apoio à tesouraria com 244 mil euros de utilização inferior aos pelo menos 265 mil euros a receber.

tomardrive banner728x145 7h 24h agosto 2021

“Limpinha” é como os anteriores dirigentes classificam a situação financeira do CIRE no final do ano passado.

As contas do CIRE referentes a 2020 podem ser consultadas aqui

 

Proponha uma correção, sugira uma pista: 

Envie fotos e vídeos para ou por aqui

Gostou de ler este artigo? Então, partilhe e apoie-nos nesta missão de informar!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.