in ,

Centro hospitalar cobra taxas moderadoras a grávida

hospital de Tomar DSCF2084

Uma jovem mãe de Ferreira do Zêzere, que teve recentemente o seu filho, recebeu em casa um postal do centro hospitalar do Médio Tejo a exigir o pagamento de taxas moderadoras e de consultas relacionadas com a gravidez.

“Fui interpelada via postal, pelo hospital de Tomar, a fim de pagar taxas moderadoras sobre consultas relacionadas com a gravidez…. isto é uma vergonha!”, denuncia.

A cidadã acrescenta que “também estão a enviar cobrança relativas ao pagamento de taxas moderadoras das consultas no hospital de dia de diabetes, como posso provar”.

Alguns meses antes, tentaram cobrar-lhe uma consulta por telefone relativa ao hospital de dia do serviço da diabetes e obesidade.

Tudo isto apesar de lhe ter sido dada isenção relativamente às consultas e sessões em meios de diagnóstico complementares relacionados com o hospital de dia.

A jovem mãe anunciou que vai apresentar uma contestação por carta registada contra o pedido de pagamento (na ordem de 150 euros) de consultas de obstetrícia ou relacionadas com o acompanhamento da gravidez.

Escrita por Redação

Blog informativo Tomar na Rede. Notícias sobre Tomar e região envolvente. Informação local e regional.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0
nabancia

Café da Nabância inaugurado há 35 anos

clarel IMG 20210412 133920

Lojas Clarel vão fechar