EconomiaDestaque

Tejo Ambiente contrata empresa para despejar fossas

- Publicidade -

Numa altura em que ainda se fazem ouvir os protestos contra a taxa de saneamento para quem não tem ligação ao sistema de saneamento básico, a Tejo Ambiente contratou uma empresa de Fátima para despejo de fossas e desobstrução de esgotos.

Na sequência de concurso público, a empresa Desentope e Protege, Lda foi contratada por um ano por 149.610 euros + IVA o que totaliza cerca de 184 mil euros.

Desde 1 de agosto que a Tejo Ambiente cobra taxa de saneamento a quem tenha fossa sética e não consiga ligação à rede pública de drenagem de águas residuais, medida que levantou protestos e dúvidas sobre a sua legalidade.

Nessa altura foi dada a possibilidade de os consumidores ficarem isentos preenchendo um requerimento, mas sobre esses, a ameaça de fiscalização e de contraordenações ficou: “a Tejo Ambiente irá proceder ao agendamento de vistorias técnicas às fossas dos munícipes, servindo as mesmas para verificar o estado de funcionamento e eventuais correções a realizar. Cada vistoria resultará num relatório técnico de suporte, através do qual será sustentado o teor do ofício, posteriormente enviado ao proprietário da fossa respetiva”.

A Tejo Ambiente é uma entidade que tem por objeto a exploração e gestão do Sistema Intermunicipal de Ambiente do Médio Tejo, o qual agrega os sistemas municipais de abastecimento público de água, de saneamento de águas residuais urbanas e de gestão de resíduos urbanos dos Municípios de Ferreira do Zêzere, Mação, Sardoal, Tomar, Ourém e Vila Nova da Barquinha.

- Publicidade -

Tejo Ambiente cobra taxa de saneamento mesmo a quem não o tenha

 

 

- Publicidade -

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo