in ,

Primeiro ano da TomarDrive “superou todas as expectativas”

A escola de condução TomarDrive, que funciona na estrada do Barreiro, perto da escola Gualdim Pais, festejou nesta quarta feira, dia 24, o seu 1º aniversário com um jantar em que reuniu os seus colaboradores e a comunicação social.

“Foi um ano de grande sucesso que superou todas as expectativas. Estamos todos de parabéns, nós, a equipa, e os alunos que se identificaram com a escola”, disse no final Amílcar Ferreira, diretor da escola, com mais de 30 anos de atividade no ramo.

Em jeito de balanço, revelou que a escola registou centenas de inscrições e mais de 95 por cento de aprovações.

Se há um ano abriram portas com dois automóveis e dois motociclos, um ano depois a escola dispõe de três automóveis e três motociclos. Com o aumento do número de alunos que chegam diariamente, a escola vai ter de aumentar o número de postos de trabalho, anunciou Amílcar Ferreira.

“É uma alegria enorme para mim, para a equipa e certamente para Tomar e para os tomarenses, porque viemos trazer algo diferente ao ensino de condução. Somos a única escola em Portugal em que não se paga taxa de reprovação”, benefício que é para manter, garantiu.

A TomarDrive estabeleceu protocolos com as duas escolas secundárias de Tomar em que oferece metade da carta de condução ao melhor aluno que tiver melhores notas escolares e menos recursos financeiros, nome a indicar por cada escola.

Passada a fase mais difícil com o encerramento forçado devido à pandemia, a escola teve de adotar medidas de modo a garantir o cumprimento de todas as normas definidas pela Direção Geral de Saúde.

Desde o início que possibilita aos alunos cinco aulas de código por dia e também ao sábado de manhã e de tarde.

Atualmente tem todas as categorias de ligeiros e motociclos, sendo objetivo a curto prazo também a categoria de pesados.

“Trabalhamos muito e acho que trabalhamos bem, para que os alunos passem à primeira. Queremos continuar motivados e felizes porque a carta de condução é um bem cada vez mais essencial”, concluiu Amílcar Ferreira.

Escrita por Redação

Comentários

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Capas dos jornais locais e regionais

Negócios em notícia