EconomiaDestaque

Empresa Caminhos da História volta a tomar conta dos monumentos em Tomar

- Publicidade -

Dois anos depois, a vigilância diurna dos monumentos e espaços culturais de Tomar volta a estar entregue à empresa Caminhos da História, de Tomar.

A câmara lançou um concurso para “aquisição de serviços de apoio ao funcionamento das instalações e equipamentos de âmbito turístico e outros equipamentos e eventos de índole cultural”, e, entre as seis empresas concorrentes, venceu a Caminhos da História, empresa que já prestava esse serviço até há dois anos.

Desta vez para prestar o serviço de vigilância diurna dos monumentos e espaços culturais durante um ano o valor é de 119.529 euros + IVA, conforme publicado no portal Base.

Ao concurso, além da Caminhos da História, apresentaram propostas as empresas Synchro – Serviços em Outsourcing, Lda, Idoneos, Lda., Espalha Ideias, Lda, Gesinserde – Gestão e Inovação nos Serviços Desportivos, Ldª e Venancio & Morais, Lda.

Nos últimos dois anos, a câmara contratou a empresa Idóneos, Lda., com sede no Barreiro, por 160.216,47 + IVA, para assegurar a abertura de monumentos e espaços culturais como a igreja de Santa Maria do Olival, Sinagoga, Casa Lopes-Graça, capela de Santa Iria, Complexo da Levada, Núcleo de Arte Contemporânea, entre outros,

- Publicidade -

 

 

- Publicidade -

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo