in ,

Tribunal de Tomar praticamente parado devido a greves

IMG 20190625 122108

À greve dos funcionários judiciais, junta-se a greve dos magistrados do Ministério Público e o resultado é o tribunal de Tomar praticamente parado por estes dias, com muitas diligências adiadas.

Em Tomar, está a ser elevada a adesão à greve com alguns serviços totalmente encerrados.

Os funcionários judiciais cumprem hoje o primeiro de cinco dias alternados de greve em protesto pela integração de um suplemento de 10% no ordenado. A greve está marcada para 25 e 28 de junho e 2, 4 e 12 julho, sendo que desta vez não estão garantidos os serviços mínimos.

No tribunal de Tomar, apenas estão a funcionar os serviços do Ministério Público. Todos os outros serviços estão encerrados.

Os magistrados do Ministério Público têm marcada uma paralisação para os dias 26, 27 e 28 deste mês.

IMG 20190625 122245 IMG 20190625 121845

})(jQuery);