in ,

Torres Novas: homem multado quando estava a comer uma sandes no carro

É com um sentimento de revolta que Rúben Marques, de Vila Nova da Barquinha, contesta a atuação da polícia no dia 25, nas Lapas, Torres Novas, quando foi multado por estar a comer uma sandes no carro numa altura de recolher obrigatório.

“Trabalho para uma empresa de limpezas e para duas associações de animais, uma delas nas Lapas. Quando vinha do trabalho, parei o carro num local deserto para descansar e comer uma sandes. Apareceu a polícia e multaram-me em 200 euros”, descreve Ruben numa publicação no Facebook.

Diz que tem três justificações das entidades para quem trabalha, mas o agente da PSP não aceitou as explicações. Ruben fez já uma exposição sobre o caso ao Provedor de Justiça e ao Presidente da República.

Para as autoridades está em causa uma infração ao dever de recolhimento obrigatório.

 

Escrita por Redação

Comentários

Responder
  1. Se for como descrito, trata-se de abuso de autoridade. Pode acontecer que o agente esteja a fazer estágio ou exame de avaliação. De qualquer modo recorrer ao tribunal é a solução.

  2. Esse policia deveria ser promovido a trabalho de escritório pois para andar nas rua não tem competencia. No escritório teria tempo para se cultivar

  3. É uma situação passível de impugnação e de queixa crime contra os agentes que participaram nesta acção

  4. Portugal é um país de ditadura, as pessoas nao mandam em nada no nosso país, povo portugues que acorde um dia e que nao sirva só a escolher o cansado que vai para primeiro ministro.
    Vergonha a portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Despiste na A13 provoca um ferido ligeiro (c/ vídeo)

Sp. Tomar dá luta contra o Sporting