DestaqueEconomia

Sonae Arauco vai gerir 42 hectares de floresta da câmara durante 35 anos

- Publicidade -

O terreno de 42 hectares que é propriedade da autarquia de Tomar, situado na freguesia da Beselga, vai ser arrendado ao grupo Sonae Arauco durante 35 anos.

O prédio rústico situa-se na Serra da Albarda, na atual União das Freguesias de Madalena e Beselga. Já serviu de aterro (o que motivou um processo contra a câmara por parte da Inspeção do Ambiente) e, chegou a ter um projeto para aeromodelismo.

O objetivo da Sonae Arauco é a plantação de pinheiros, azinheiras, carvalhos, medronheiros, entre outras espécies com vista a “valorização ambiental, económica e social e para a redução do risco de incêndio rural”.

Pelo arrendamento do terreno, a Sonae Arauco vai pagar à câmara 850 euros por ano, apesar de haver uma avaliação que aponta para uma renda anual de 12 mil euros, ou seja 285€ por hectare.

O processo foi aprovado na reunião de câmara do dia 13 de maio, mas tem ainda de passar pela assembleia municipal.

- Publicidade -

floresta sonae

Uma lixeira a céu aberto, um problema por resolver há anos

- Publicidade -

2 comentários

  1. Costuma dizer-se que quando a esmola é grande até o santo desconfia. Sabendo-se que o grupo Sonae está desde sempre envolvido no negócio da transformação de madeiras (tendo parceria com a espanhola Tafisa), seria de esperar que optassem pela plantação intensiva de eucaliptos. Se o que o artigo informa for para concretizar, não deixa de ser para mim uma grande surpresa e só tenho pena que em vez dos 40 há não sejam 400…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo