DestaqueSociedade

Polícia multa clientes por estarem a beber à porta do café (c/ vídeo)

O caso aconteceu na tarde deste domingo, 1 de novembro. Agentes da PSP de Tomar abordaram um grupo de clientes que estava a beber cerveja à porta do café Correia, em Palhavã.

Os ânimos exaltaram-se com alguns clientes a protestarem contra os agentes.

Além de estarem num ajuntamento de oito pessoas (a lei só permite cinco), foram apanhados a consumir álcool na rua, o que é proibido por lei no atual estado de calamidade.

 

6 comentários

  1. Para rir.
    A meses que se fasem ajuntamentos na rua da sinagoga no bar da taberna e todos os dias se bebe alcool na rua na frente do bar. Os mais velhos tem medo de la passar porque nao respeitam ninguem. Policia? Camara? Ninguem quer saber.

    1. Olá bom dia, já se deu ao trabalho de contar as pessoas? E verificar se estão divididos em grupos de 5? Se realmente não cumprem nenhuma regra ou se estão em falta para com a legislação? Querido cavalheiro informe-se porque realmente todos os dias as autoridades se dirigem a esse estabelecimento, e nunca houve problemas. Falam, falam, falam e não dizem nada!!!!

  2. -Proibição do consumo de bebidas alcoólicas em espaços exteriores dos estabelecimentos de restauração e bebidas após as 20.00, salvo se se tratar de serviço de refeições.

    – É proibido consumir bebidas alcoólicas na via pública.

    Pelo que vejo não se trata de ser mais de 20h ….e não se encontram na via pública e sim na esplanada de um café .a única coisa que não está de acordo com as normas é serem mais de 5pessoas juntas .

  3. Tem toda a razão caro João Tiago. Mais, o interessante é ninguém falar dos constantes ajuntamentos no Espaço Académico na avenida Ângela Tamagnini, até altas horas de madrugada, os meninos a fazerem arranques, acelerarem com os automóveis e os piões na rotunda da Alameda…, fora o ruído excessivo que estes jovens fazem na rua quando saírem em grupos. Há pessoas ali a viver e que têm de levar com esta falta de respeito diária!!!!!!!!!

    1. E o consumo de droga, tráfico, ruído excessivo com viaturas (arranques, piões, burnouts etc), fora o barulho quando estes saiem em grupos? E os moradores têm que levar com isto todos os dias? O meu caro diz isso porque certamente não reside ao pé e não é incomodado com esta falta de civismo. Concordo quando diz que mais vale estarem num café que a roubar, mas nem num café estes jovens sabem estar e muito menos na via pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.