in ,

Moradores denunciam atentado contra a anta do Vale da Lage

anta 443 4519715826428805120 n

Não param as denúncias contra o que está a ser feito na zona envolvente da anta do Vale da Lage, um monumento megalítico localizado na freguesia da Serra de Tomar.

Apesar da importância daquele património com mais de 7 mil anos e raro na nossa região, as máquinas não param de escavar a poucos metros do monumento e teme-se o uso de explosivos.

Dois populares que passaram pelo local ficaram chocados com o que viram e deram o alerta.

No domingo, dia 29, pelas 17 horas, vão reunir no local os moradores e amigos do Vale da Lage incluindo investigadores da história de Tomar e os arqueólogos Carlos Batata e Ana Cruz, o Presidente da Junta, entre outras pessoas.

Na quarta feira, dia 2, pelas 10 horas, os moradores e defensores do património vão ser recebidos pelo vice-presidente da câmara, Hugo Cristóvão (data corrigida).

Outra denúncia feita pelos moradores tem a ver com a deslocação de terras por causa da obra que está a ser feita a poucos metros da anta. “É medonho o monte de terra que está na encosta do rio. Estima-se que estejam já cerca de 3500 a 4000m3 de terras soltas prontas a causar um desastre ambiental e a Câmara de Tomar nada faz”, denuncia uma moradora.

Notícias relacionadas aqui e aqui


Escrita por Redação

Blog informativo Tomar na Rede. Notícias sobre Tomar e região envolvente. Informação local e regional.

Comentários

Responder
  1. É só uma anta. Uns bocados de pedra empilhados. Qual é o grande problema?
    Qual é a importância real da sua destruição?
    Não conseguem em pleno 2019 construir algo mais belo e útil? Têm de ficar presos no passado a objectos?

  2. Joao Só pode estar a brincar….Senão está a brincar só tenho uma coisa a dizer….(((((TRISTE DO HOMEM QUE NÃO CONSEGUE OLHAR PARA O PASSADO POR PARA O FUTURO ESTÁ CEGO.))))))

  3. Caro amigo João pelo comentário realizado por si só posso chegar a uma conclusão VC deve ser uma pessoa inculta ou burra mas respondendo corretamente fique sabendo que no lugar onde se situa as Antas a um plano de ordenamento da Albufeira do castelo de bode e o PDM onde estipula vários parâmetros para qualquer construção onde não são compridos e muito menos pode haver telhados planos por isso vamos defender as antas e albufeira do castelo de bode.ps já agora de beleza a construção não tem nada mil vezes um monte de pedras do que o monte de cimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0
IMG 20190924 140110

Tribunal de Tomar condena jovem por burlar com cancro

CDOS

TSF mostra trabalho do CDOS (c/ vídeo)