in ,

Reportagem sobre o aqueduto dos Pegões passa na TVI

A TVI emitiu neste sábado uma reportagem sobre o aqueduto dos Pegões, monumento com mais de 400 anos, ligado ao Convento de Cristo, em Tomar.

O enfoque foi para o investimento que a câmara fez na consolidação de quatro pilares que estavam em risco de queda.

O aqueduto foi apresentado como “o parente pobre do património da humanidade” porque, apesar de ter como função levar água das nascentes ao Convento, não foi incluído na classificação de património mundial.

Lacuna que salta à vista na reportagem foi não haver qualquer referência ao grupo dos Amigos do Aqueduto que tem feito um trabalho notável de preservação do monumento ao longo dos seus seis quilómetros.

Maria de Lurdes Craveiro, professora auxiliar na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, doutorada em História da Arte pela FLUC e docente, desde 1988, no Instituto de História da Arte desta Faculdade, considera o grupo como “a verdadeira salvaguarda do Aqueduto: pelas intervenções, pela chamada de atenção e pela visibilidade de um problema”.

 

Escrita por Redação

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

Apelo* (atualização)

Padre Mário continua em estado muito grave mas “há uma luz ao fundo do túnel”